Fear


Foi no último desabafo que tive convosco que recebi um comentário de alguém que foi para mim uma motivação em determinada altura da minha mudança. Se foi para mim inesperado? Foi. Se o conteúdo me deu um murro no estômago? Deu. E porquê perguntam vocês? 
E eu posso dizer-vos que quem o escreveu, a Paula, era na minha cabeça alguém cheia de garra que perdeu imenso peso em pouco tempo quando se dedicou ao ginásio, que me chamou para dias bem passados com desporto e que mostrava uma determinação absolutamente incrível.
Mas, hoje eu sinto que conheço melhor a Paula, apesar da distância tanto a Paula como eu somos mais transparentes, não nos escondemos atrás de sorrisos nem no suor de treinos desenfreados.
Hoje sabemos que a nossa essência é que precisa ser tratada primeiro. Hoje sabemos que um corpo mais magro não nos trará a estabilidade e equilíbrio necessários de uma vida saudável e forte para atingir qualquer objetivo.

Hoje escrevo à Paula, hoje mostro-vos mais umas páginas desta minha jornada.
Sabes Paula, quando conheci o meu marido existia um tema tabu "família". Ele achava estranho eu tão nova não viver com os meus pais. Um dia soltou a pergunta fatal. Eu tremi todos os ossos do meu corpo. O medo em contar-lhe a verdade e ele achar que eu era uma mentirosa ou problemática era mais forte que eu. O medo de perder aquele que me amava era mais que muito. Respondi-lhe com o silêncio e ele respeitou.
Infelizmente quando trazemos feridas no corpo e na alma feitas por quem esperávamos amor temos tendência a sonhar com o dia em que aquelas pessoas vão chegar junto a nós e pedir perdão e finalmente dar-nos o amor que não souberam dar (mais tarde com o tempo e com a aprendizagem desta caminhada percebemos que esse dia não chegará e aprendemos a viver felizes sem esse "sonho"). Mas um dia eu disse-lhe que estava na hora dele os conhecer. Ele viu, ouviu e percebeu o porquê de eu estar sozinha. Nesse dia eu sabia que podia abrir-lhe o meu coração, mostrar-lhe as minhas feridas e seria respeitada. Porque sim, Paula, nós precisamos de ajuda. Precisamos que cuidem de nós e confiem no que dói sem julgamentos. Quando encontramos essa pessoa podemos ter medo, porque sim, esse cabrão do medo não nos larga, mas se queremos acabar de vez com aquilo que nos pesa temos a obrigação de lhes pedir ajuda, de lhes dizer que não somos só força e que às vezes dói tanto que parece que o mundo vai acabar. E não querendo ser adivinha eu acredito que tens a tua pessoa certa neste momento para dar o passo, para lhe pedires ajuda, abrires o livro, chutares os teus medos e confiares que ele confiará em ti sem julgamentos.

DIY #10 - Wall Art


Me voilà de retour avec mes petits projets à faire soi-même. Aujourd'hui je partage avec vous une façon de personnaliser vos cadres photos.
***
E cá estou eu de volta com os meus pequenos projetos diy. Hoje partilho convosco uma opção para personalizarem as vossas molduras.

Long Vest


J'ai passé des mois à la recherche d'un long gilet comme celui que je vous présente aujourd'hui. Je trouve que c'est un très bon investissement vu que c'est une pièce de couleur neutre mais qui apporte une touche de modernité à une tenue qui peut être très neutre à la base.
Et voilà qu'un jour, pendant mes "balades shopping en ligne" je vois cette petite merveille en soldes. Je n'ai pas hésité une seule seconde. 
Quand je l'ai reçu on dirait une gamine qui voit le Père Noël pour la première fois. Et non je n’exagère pas! 
Il m'est arrivé la même chose avec ce sac miniature que j'aime de tout mon cœur! Combien d'entre nous a déjà entendu dire que les rondes ne doivent porter que des grands sacs? Et bien moi je m'en fou! Quand je l'ai vu j'ai dit "il me le faut".
Et voilà comment je suis arrivée à cet ensemble, une base neutre avec une chemise blanche fluide avec des petites applications brillantes au niveau du col et un jeans plutôt moderne grâce aux trous sur les genoux et des chaussures à talons beiges pour rappeler la couleur de ce long gilet.
Comme je ne voulais pas laisser le petit sac rouge seul, le chapeau rouge que j'adore est venu compléter cette tenue que je porte pour le travail sans problème.
Pour les accessoires, je porte ma montre dorée pour la touche plus classique et vu que la chemise a déjà ses applications je ne porte pas de collier.

Durante meses andei à procura de um colete comprido como este que vos mostro hoje. Acredito mesmo que é um bom investimento visto ser uma peça de cor neutre mas que dá um toque moderno a um conjunto em que a base pode ser neutra.
E foi então que um dia, durante os meus "passeios de shopping online" encontrei esta maravilha em saldos. Não hesitei um segundo.
Quando o recebi parecia uma miúda que via o Pai Natal pela primeira vez. E não, não estou a exagerar!
Aconteceu-me a mesma coisa com este saco miniatura que amo de paixão! Quantas de nós já ouvi dizer que as pessoas gordas só devem usar sacos grandes? E olhem, eu estou-me marimbando para isso! Quando o vi só disse "tem de ser meu".
E pronto, foi assim que cheguei a este outfit, uma base neutra com uma camisa branca fluida com pequenas aplicações brilhantes no colarinho e uns jeans modernos com rasgões ao nível dos joelhos e uns sapatos de salto alto beges para relembrar a cor deste colete longo.
Como não queria deixar a minha mala vermelha sozinha decidi usar o meu chapéu vermelho que adoro e que veio completar este outfit que uso sem problemas para o trabalho.
Para os acessórios, tenho o meu relógio dourado para dar um toque mais clássico e visto a camisa já possuir uns detalhes no colarinho decidi não usar colar.











Gilet/ Colete: New Look
Chemise/ Camisa: C&A
Jeans: Primark
Chaussures/ Sapatos: Primark
Chapeau/ Chapéu: Madmoisellechic
Sac/ Mala: Dosenbach / Deichmann
Montre/ Relógio: One

Wedding Guest - Jumpsuit #4

Je dois avouer que je suis consciente que cette proposition de tenue ne plaira pas a beaucoup de gens dû aux idées préconçues qu’on nous a appris pendant des années, mais aujourd’hui je porte ce dont j’ai envie et c’est aussi ce que je veux vous inspirer à faire. Porter ce que vous aimez et ce dont vous avez envie sans vous soucier de ce que disent les autres.

Quand j’ai vu cette combinaison j’ai tout de suite dit que je la voulais pour moi et que je la porterai sans problèmes à n’importe quel événement, vu que j’adore l’association du bleu avec l’orange. Et c’est exactement avec ces deux couleurs que j’ai construit ma tenue.
J’adore la ceinture dans le même tissu, le décolleté en cache-cœur. Je trouve que ce modèle est un vrai atout pour nos formes.
Irrévérente, osée et moderne c’est comme ça que je vois cette tenue que j’espère vous inspirera à sortir de votre zone de confort et vous poussera jusqu’à un nouveau monde plein de couleurs.

***

Tenho de vos confessar que sei que esta proposta de outfit não agradará a muita gente e isto tudo por causa das ideias pré-concebidas que nos foram incutindo ao longo dos anos, mas hoje em dia uso o que me apetece e é também isso que vos quero inspirar a fazer. Usarem o que gostam sem se preocuparem com o que os outros vão dizer.

Quando vi este jumpsuit disse que o queria para mim e que o levaria a um evento sem qualquer problema, até porque adoro a conjugação do azul com cor-de-laranja. E foi mesmo com essas duas cores que contrui o outfit.
Gosto do cinto no mesmo tecido, do decote cache-cœur. Acho mesmo que este modelo é uma verdadeira mais-valia para as nossas formas.
Irreverente, ousada e moderna é assim que vejo esta proposta que espero vos inspire a sair da vossa zona de conforto e vos levem até um mundo novo cheio de cor.


Make-Up

Quand je publie des selfies où je suis maquillée il y a toujours une question qui revient sans cesse. Quels sont les produits que j'utilise pour me maquiller et surtout pour unifier mon teint.
Comme je vous l'ai déjà dit auparavant sur le blog, je n'ai connu le maquillage qu'à l'âge de 17 ans et ce n'était qu'un mascara et un rouge-à-lèvres.

Avec le temps et étant très curieuse à propos de ce monde magique qui est le maquillage je me suis toujours amusée à regarder sur YouTube les mille et un tutoriels qu'on peut y trouver.
Il y a deux ans, je suis rentrée dans un magasin Sephora et je me suis livrée à une des vendeuses. Je lui ai dit que j'aimerai avoir un joli teint et cacher mes cernes.
J'utilisai à ce moment-là une BB Cream que je continue à utiliser même aujourd'hui tellement je l'adore.
C'est alors qu'elle m'a fait découvrir la magie de l'anticernes et de la poudre miraculeuse.
Depuis, je ne vis pas sans quelques produits qui pour moi sont parfaits quand j'ai envie de me maquiller (non, je ne me maquille pas tous les jours).

***

Quando publico selfies onde apareço maquilhada existe uma questão que está sempre presente. Quais os produtos que uso para me maquilhar e sobretudo o que uso como base.
Como já vos disse anteriormente no blog, só conheci o mundo da maquilhagem aos 17 anos e era apenas um rímel e um batom.

Com o tempo e sendo eu uma assumida curiosa por este mundo mágico da maquilhagem sempre me entretive a ver os mil e um tutoriais que podemos encontrar no YouTube.
Foi há dois anos que entrei numa loja da Sephora e desabafei com uma vendedora. Disse-lhe que gostava de manter uma boa pele e esconder as minhas olheiras.
Naquela altura usava um BB Cream que continuo a usar ainda hoje tal é o meu amor por ele.
Foi então que ela me fez descobrir a magia do anticernes e do pó mágico.
Desde esse dia que não prescindo de alguns produtos que para mim são perfeitos quando tenho vontade de me maquilhar (não, não me maquilho todos os dias).

Pour le teint/ Para a base:

BB Cream 5 en 1 de Garnier - Medium
Concealer arbre à thé de The Body Shop - 02
Erase Paste de Benefit - n.1 Fair
Powder Foundation de Make Up For Ever - Beige Rosé 125
Pinceau de Sephora - poudre XL 49


Pour les sourcils/ Para as sobrancelhas:
Crayon sourcils avec brosse / Lápis com escova de Yves Rocher - Brun
Kit sourcils / Kit sobrancelhas de H&M - Espresso

Pour les yeux/ Para os olhos:
Fard à paupières / Sombras de Primark - Nudes
Pinceau à deux embouts / Pincel com duas pontas de Primark
Mascara Maybelline - Colossal Go Extreme Volum' ou The Falsies Volum' Express


Pour la bouche/ Para a boca:

De gauche à droite / Da esquerda para a direita:
1. Beautiful by aufeminin - Chocolate Brownie
2. Oriflame - Smoke Red
3. Catrice- 340 Berry Bradshaw
4. Essence - 03 Come Naturally
5. NYX - Minimaliste
6. Oriflame - Hot Pink
7. Yves Rocher - 31 Rouge Vif

Pinceau maquillage lèvres / Pincel aplicador batom - Yeslove
Lip Liner de Doribell - n.56



J'espère que ça vous a inspiré et vous le savez, si vous avez des questions, conseils, suggestions ou curiosités n'hésitez pas à me les laisser dans les commentaires et moi j'y répondrais avec plaisir.
Dans quelques jours je partagerai avec vous tous les soins pour la peau que j'utilise quotidiennement.

***

Espero que vos tenha inspirado e já sabem, qualquer questão, conselho, sugestões ou curiosidade é só deixarem nos comentários que eu respondo com todo o gosto!
Daqui a uns dias partilharei convosco todos os cuidados para com a pele que utilizo/tenho quotidianamente.

French Curves Challenge: Marinière


Ce mois-ci pour le challenge des French Curves Gaëlle Prudencio, la fondatrice de ce challenge nous a proposé comme à chaque 16 du mois, un nouveau thème. 
Et ce mois-ci elle nous propose de créer une tenue où la marinière doit se montrer dans tous ces états. 
Pas besoin de vous dire que j'adore! Comme vous pouvez le voir ici et ici, la marinière est dans ma garde-robe depuis toujours.
Cette fois-ci je ne voulais pas un simple pull ou t-shirt marinière. Quand j'ai reçu le thème j'ai vite couru dans ma garde-robe pour voir si ma robe t-shirt marinière que j'avais acheté il y a quelques mois m'allait toujours. Quand je l'ai acheté je l'ai tout de suite imaginé avec mes converse all-star.
J'hésitais toujours entre ma veste en jeans et cette veste kaki. Oui, c'est la kaki avec son style militaire qui a gagné vu que sa longueur me plaisait plus avec cette robe.
Je savais que les photos seraient faites au bord de la rivière vu que dans ce pays on a pas eu droit à un bout de mer. Il ne nous manquait plus que la pluie s'arrête et donne place au soleil.
Voilà que ce dimanche le beau temps est arrivé mais vous comprendrez bien en voyant les photos qu'il n'est pas venu tout seul, oui un vent très fort était aussi au rendez-vous. 
Mais rien ne nous arrête et c'est avec mes gambettes à l'air que nous nous sommes amusés en famille au bord de la rivière.
Oui, pour beaucoup cette robe est très courte, mais pour moi elle est parfaite et je me sens très à l'aise avec et que ce soit avec des baskets ou des sandales celle-ci m'accompagnera très souvent pendant cet été.

Le challenge continue sur la page facebook FrenchCurves ainsi que sur Instagram avec l'hashtag #FrenchCurves.
Montrez-nous vos tenues inspirées sur le thème de ce mois-ci "Marinière dans tous ses états".


Este mês para o challenge das French Curves a Gaëlle Prudencio, fundadora do challenge, propôs-nos como a cada dia 16, um novo tema.
E este mês ela pediu-nos que criássemos um outfit onde a marinière se mostra nas suas mais variadas formas.
Escusado será dizer que adoro! Como podem ver aqui e aqui, a marinière está presente no meu roupeiro desde sempre.
Desta vez não queria a simples camisola ou t-shirt marinière. Quando recebi o tema corri rapidamente até ao meu roupeiro para ver se o meu vestido t-shirt marinière que comprei há uns meses me assentava como eu queria. Quando o comprei imaginei-o logo com os meus ténis converse all-star brancos.
Hesitava era entre o meu casaco de ganga ou este casaco caqui. Sim, foi o caqui com o seu estilo militar que ganhou visto o seu comprimento ser o mais adequado para este vestido.
Eu sabia que as fotos seriam feitas à beira do rio visto que neste país não temos direito a um bocadinho de mar. Agora só precisávamos que a chuva parasse e desse lugar ao sol.
E foi então que neste domingo o bom tempo chegou, mas perceberão facilmente pelas fotos que não veio sozinho, sim uma ventania descomunal também marcou presença.
Mas nada nos para e foi com as minhas pernas "ao léu" que nos fomos divertir em família à beira do rio.
Sim, para muitos este vestido é muito curto, mas para mim é perfeito, sinto-me super confortável com ele e seja com ténis ou com sandálias este vestido acompanhar-me-à muitas vezes durante o próximo verão.

O challenge continua na página do facebook das FrenchCurves assim como no Instagram onde devem usar o hashtag #FrenchCurves.
Mostrem-nos os vossos outfits inspirados no tema deste mês "a marinière e as suas mil e uma opções".













Robe/ Vestido: H&M
Veste/ Casaco: H&M
Lunettes soleil/ Óculos de sol: Ale Hop
Lunettes/ Óculos: Prada
Baskets/ Ténis: Converse All-Star
Montre/ Relógio: One
Bracelet/ Pulseira: New Yorker
Sac/ Mala: C&A

Regardez et n'hésitez pas à visiter ces beautés!
Vejam e não hesitem em visitar estas belezas!

"Here"


Este é provavelmente um dos textos que mais me custará escrever, mas sei que eu preciso, que nós precisamos.
Uma das perguntas que mais me enviam é para saberem como cheguei "Aqui".
"Aqui", esta palavra que me põe num estado de plenitude, equilíbrio, confiança em mim e nos meus dias. Aqui. Onde ando de cabeça erguida, sem o peso de um passado aos ombros que me deixou durante anos "corcunda" a olhar para o chão com vergonha por existir.

Este é certamente um daqueles textos que nunca acabam com um ponto final.

Depois da minha passagem pelo programa "E se fosse consigo?" muita gente passou a conhecer um bocadinho do meu passado, daquelas que foram feridas e hoje são cicatrizes. Daquelas coisas que mexem comigo apesar da minha vida ser tão sorridente hoje.
Perguntam-me como fiz para chegar aqui. Infelizmente não posso escrever um manual de instruções, e como eu amava poder fazê-lo. Mas posso partilhar convosco a minha caminhada, talvez assim percebam as fases negras que vos esperam para poderem brilhar com toda a luz que cada um de nós merece.

Wedding Guest - Jumpsuit #3


Et nous voilà de retour aux combinaisons et aux tenues que je mettrais pour n’importe quel évènement et que j’espère vous inspirera aussi.
Aujourd'hui je partage avec vous un ensemble que je trouve plus discret et classique, mais plein de modernité grâce à la coupe de la combinaison (est-ce que je vous ai déjà dit que cette coupe « jupe-culotte » est très à la mode en ce moment ?).
Pour le plus conservatrices, c’est combinaison a une couleur qui peut facilement « se marier » avec le noir et pour la touche audacieuse on utilisera les accessoires. Alors je vous propose des pochettes avec motif animal ou pleines de brillants pour illuminer un peu cet ensemble.
Pour celles qui comme moi aiment "peindre" un ensemble neutre avec des touches irrévérentes je vous suggère de « marier » cette combinaison avec l’argenté ou le blanc tellement à la mode en ce moment.
Grâce à la longueur de cette combinaison, osez sans problème les chaussures à petit talon ou même plates car le bout de jambe qui restera visible allongera votre silhouette.
Ce n’est pas une couleur habituelle, mais peut certainement marquer les esprits grâce à sa coupe (que j'aime tellement). Des boucles d'oreilles très voyantes, une manchette ou plusieurs bracelets fins peuvent également compléter l'ensemble.
J’espère que vous aimez les propositions et que ça vous inspire à préparer les tenues pour les festivités qui arrivent.

***

Estamos de volta aos jumpsuits e a coordenados que eu usaria num qualquer evento e que espero também vos inspire.
Hoje partilho convosco algo que considero mais discreto e clássico, mas cheio de modernidade graças ao corte do jumpsuit (já vos disse que este corte de culotes" é super atual?).
Para as mais conservadoras é uma cor que poderão facilmente conjugar com o preto e dar o toque arrojado nos acessórios, daí vos propor umas pochetes com padrão animal ou cheia de brilho para animar um bocadinho o conjunto.
Para aquelas que como eu gostam de "pintar" um conjunto neutro com pinceladas de irreverencia proponho-vos "casar" este jumpsuit com o tão atual prateado e/ou branco. 
Sendo o comprimento deste jumpsuit diferente, ousem sem problema sapatos de salto pequeno ou rasos pois a perna descoberta alongará certamente a vossa silhueta.
Não é uma cor comum, mas pode sem dúvida marcar pelo seu corte (que eu adoro). Uns brincos bem vistosos, uma manchete ou várias pulseiras finas também completarão o conjunto.
Espero que gostem e se sintam inspiradas para a época de festa que aí vem.

Portugal Curvy #2 - Floral


E cá estamos nós novamente com o movimento que lancei o mês passado, o Portugal Curvy. Movimento que uniu algumas bloggers portuguesas plus size com o objectivo de vos propor vários outfits, de estilos diferentes baseados num mesmo tema. E este mês lancei o desafio de criarmos um outfit como tema FLORAL!

Esta semana, foi uma semana cheia de emoções, não só por ter visto o resultado de uma conversa intimista que tive mas também por todas as mensagens de carinho e de pedidos de ajuda que recebi. Quero dizer-vos que as vossas palavras me tocam no coração e que todo o carinho que me mandam faz parte de um sonho antigo. Por isso sim, são muito importantes para mim e faço questão de responder a todos mesmo demorando algum tempo.

Mas falemos então do nosso tema deste mês para o Portugal Curvy. Flores, muitas flores para esta primavera que apesar de nos ter brindado com uns dias de sol ainda se mostra timida.
Quantas de nós já ouviram a frase culto "As gordas não podem usar padrões"?!
Quem me segue sabe que NUNCA ouço estas "leis da moda" que alguém decidiu espalhar por aí. Eu uso o que gosto, o que me apetece e sem regras. Afinal o corpo é meu e quem o veste sou apenas eu.
Sabem também que a mensagem que trago neste blog será sempre a mesma, sejam LIVRES. Por isso usem e abusem daquilo que gostam mesmo que a vizinha diga que fica mal ou que não gosta. Isso é uma questão que só lhe diz respeito a ela, não a vocês!
Estas calças acompanham-me há já dois anos, na primavera vêem sempre o dia, adoro-as. Fazem-me sentir jovem, leve e alegre. Por isso não as podia deixar de parte quando lancei este tema, mesmo tendo hesitado entre este par e um top peplum que adoro e que vos mostrarei em breve, foram estas as vencedoras.
Como não queria um outfit muito tchanan optei por cores mais leves tão actuais nesta estação, com um top em malha bege e decote descaído assim como um blazer branco que traz um toque mais clássico ao conjunto.
Umas sandálias verdes que são autênticas pantufas foram as escolhidas para dar continuidade ao lado colorido das calças.
Em termos de acessórios optei por um colar em tons de dourado com um toque branco e um relógio também ele dourado para guardar aquele toque mais clássico e adulto do conjunto. E os óculos de sol também eles verdes, numa tonalidade diferente mas tão cheios de personalidade como eu gosto.

Como é óbvio jamais vos deixaria de fora e por isso gostava que nos mostrassem a vossa ideia de outfit com flores. Para isso basta que me enviem a vossa participação, seja por email ou até mesmo por mensagem privada na página Facebook do blog. Não hesitem também em partilhar nas redes sociais utilizando a hashtag #PortugalCurvy !

Não se esqueçam também de visitar as participantes do projeto Portugal Curvy, tenho a certeza que inspiração não vos faltará!






   






   
   
   
  
Jeans: C&A
Top: C&A
Blazer: Primark
Sandales/ Sandálias: Primark
Lunettes/ Óculos: Escada na Mais Óptica (Porto)




Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...