Cinderella Feet



C'est donc pour cela que j'ai décidé de partager avec vous ma routine... avec mes pieds.
À vrai dire depuis quelques années je cherchais la solution parfaite pour bien soigner mes pieds sans devoir courir tous les 15 jours chez l'esthéticienne.

C'est alors que j'ai trouvé ces chaussettes exfoliantes qui fonctionnent très bien pour enlever les peaux mortes. Ces chaussettes doivent être mises sur les pieds "en bonne santé" (sans mycoses, irritations ou autres) et doivent être portées pendant une heure pour que les enzymes et les acides naturels puissent faire effet. Pendant les 5 à 10 jours suivants vous allez voir la "vieille" peau se détacher.
J'utilise ces chaussettes une fois par mois.

Vu que la peau de mes pieds est très sèche ce que je fais une fois par semaine c'est passer la lime électrique "Scholl". Après les avoir bien lavés j'utilise une crème que j'appelle de miraculeuse. C'est une crème de la marque "Neutrogena" pour pieds secs. Elle est juste magnifique.
Cette crème je la mets tous les jours après ma douche comme ça mes pieds restent bien nourris et pas besoin de passer la lime plus qu'une fois par semaine.

Sur ces conseils je me suis dit que ça serait pas mal de vous montrer la solution parfaite pour les durillons, chose que j'ai eu il y a quelques temps et que je ne savais pas du tout comment m'en débarrasser. C'est donc pour cela que vous voyez sur la photo l'emballage "Compeed", c'est LA solution pour les durillons. Donc, si vous en souffrez, allez-y ça vaut vraiment la peine.

Donc, tous les jours une bonne crème, une fois par semaine la lime et la crème et une fois par mois les chaussettes et la crème.
Et vous, avez-vous des rituels pour bien soigner vos pieds?

Ce post n'est en aucun cas commercial, ce n'est que mon avis et mon expérience.


Às vezes penso que determinados assuntos não interessam a ninguém. Mas, ao falar com algumas pessoas dou-me conta que aquilo que para mim é comum para outras pessoas pode ser extremamente útil.
Foi por isso que decide partilhar convosco a minha rotina... com os meus pés.
Para vos ser sincera há já algum tempo que procurava a solução ideal para tratar bem dos meus pés sem ter de correr para a esteticista a cada 15 dias.

Foi então que experimentei estas meias exfoliantes que funcionam na perfeição para tirar as "peles mortas". Basta calçar as meias, atenção que os pés devem estar "de boa saúde" (sem micoses, irritações ou outras) durante uma hora para que os ácidos naturais actuem. Durante os 5 a 10 dias seguintes verão a pele "morta" soltar-se.
Utilizo estas meias uma vez por mês.

Visto que a pele dos meus pés é muito seca aquilo que faço uma vez por semana é passar a lima eléctrica "Scholl". Depois basta lavá-los bem e utilisar um créme que eu chamo de milagroso. É um creme da marca "Neutrogena" para pés secos. É simplesmente maravilhoso.
Este creme aplico todos os dias depois do duche e assim os meus pés ficam bem hidratados e não preciso passar a lima mais que uma vez por semana.

Quando pensei nestes conselhos pensei que seria interessante mostrar-vos também a solução perfeita que encontrei para os calos. "Coisa" que me bateu à porta há uns tempos e que eu não fazia ideia de como tratar. É por isso que podem ver na foto uma embalagem da marca "Compeed", acreditem é A solução para os calos. Por isso já sabem, se sofrem deste mal, acreditem que vale mesmo a pena.

Já sabem, todos os dias um bom creme, uma vez por semana a lima e o creme e uma vez por mês as meias e o creme.

Parfois je me dis que certains sujets n'intéressent personne. Mais en parlant entre filles je me rends compte que finalement même si tel sujet est commun chez moi, pour d'autres personnes ça peut être très utile.

E vocês, também têm rituais para cuidar bem dos vossos pés?

Este post não é de todo comercial, é apenas a minha opinião e a minha experiência.

Renasce #1


Pensei em escrever imensas coisas por aqui. Pensei se realmente valeria a pena. E cheguei à conclusão que vale. Tudo vale a pena quando a vontade nasce em mim. E aqui estou eu, sem grande título para aquilo que vos quero dizer, mas o que sempre interessou foi e é o conteúdo certo?

Perguntam-me várias vezes como cheguei "aqui", ao ponto de gostar de quem sou quando tudo começou com o objectivo de emagrecer. E é aqui que tenho de vos dizer que o objectivo nunca foi emagrecer, o emagrecimento é apenas uma consequência da minha busca por amor-próprio. É isso mesmo, uma consequência. Lembro-me do primeiro passo, da primeira consulta. Das primeiras lágrimas e do primeiro misto de sentimentos quando "me pari". Quando voltei a ter vida e comecei a redesenhar aquela miúda. Não era magra, estava no meu peso máximo, 136kg. Isso mesmo. Não gostava nem desgostava de mim. Não tinha sentimentos por mim mesma visto estar vazia e tão cheia de feridas por sarar. Lembro-me de me sentar naquele sofá da sala de espera. De sentir vontade de chorar porque a mudança estaria ali, naquela sala tão cheia de todas as esperanças que nela depositei. "Ana Nogueira", disse aquela Mulher de cabelo curto, magra e voz suave. Levantei a cabeça. Já vos disse que durante anos, quando raramente saía à rua olhava para o chão? E um dia ouvi o Manuel Luis Goucha dizer "andar e olhar para o chão é como pedir desculpa por existir". Mas voltando aquela tarde, levantei a cabeça e tremi, quase me faltava o ar. Sorri, aquele sorriso de "sou eu". Entrei naquela sala, sentei-me e bastou uma pergunta apenas para o coração desatar a chorar. Lembro-me de lhe ter dito apenas um por cento daquilo que me doía. Ela escrevia e eu dava por mim a por palavras naquelas dores que até então tive vergonha em partilhar. Ela não me dizia "é passado", não dizia "esquece isso". Não. Ela estava ali, a ouvir-me. É isso. Isso mesmo que me faltou até então. Um ouvido sem boca para aconselhar ou julgar.
Acho mesmo que a nossa sociedade está com dificuldades em ouvir. Ouvir e calar. Só. Quando penso no quanto desejei falar, desabafar, chorar e ouvir o silêncio em resposta, cheguei à conclusão que falta isso ao ser humano e infelizmente só nos damos conta quando passamos pela necessidade deo ter.
Hoje sei que sou diferente, porque necessitei. Porque no dia em que um amigo me disser "Só quero desabafar", eu vou lá estar com o meu ombro, o meu colo e choraremos juntos se assim tiver de ser para dar espaço aquele desabafo que precisava apenas de silêncio.

Hoje estou longe da Mar, que pediu "ajuda", que me entrou no coração graças a este recente cantinho, hoje já chorei por saber as dores, as incertezas que carrega. Não choro de tristeza. Choro porque acredito, porque me lembro de cada passo e de quão as nossas caminhadas são iguais quando nos deparamos com esta busca de amor-próprio. A dor, o desespero de alguém que não se sabe viva.
A Mar diz que não gosta do corpo que tem. Eu e a Mar sabemos que não é o corpo que precisa de amor, é ELA. A Mar precisa reencontrar-se. Amar a pessoa que é e voltar a ter a certeza que tem todas as possibilidades de ser quem quer ser e de ter o corpo que ambiciona.
Já vos disse que foi uma consequência o meu emagrecimento? Foi, é. E também será para ti Mar. Sábado começas as "aulas de parto". Vais dar vida a uma nova TU. Prepara-te porque não será num estalar de dedos. Vai doer. Vai parecer uma caminhada eterna, e é. Mas cheia de surpresas boas, cheia de desafios vencidos. E só quando voltares a acreditar em ti verás que os braços não voltarão a desistir de te levar para a frente e o teu corpo manter-se-à firme para seguir a tua mente que se tornará invencível. Verás que o amor-próprio nasce de uma caminhada que te trará como presente a força para atingires os teus objectivos, sejam eles quais forem. Vai lá Mar e mostra-te, a ti, que nós renascemos sempre que quisermos.

(CAPE)LINE

 
Une des choses que j'apprécie le plus pendant l'automne, c'est les balades en fin d'après-midi au milieu des montagnes. Aujourd'hui je partage avec vous les couleurs, la lumière et la sérénité de ces belles montagnes.
Pour cette balade j'ai choisi de porter ma cape, ma meilleure amie ces derniers temps et une capeline que j'ai longtemps hésité dû à ma nouvelle coupe de cheveux. Oui oui je m'habitue petit à petit et j'adapte mes anciennes habitudes à cette nouvelle tête. Oui j'aime ça et ça me fait du bien.
Pour me sentir à l'aise j'ai décidé de porter un playsuit que j'ai acheté cet été et comme il a des manches courtes j'ai mis un pull manches longues rayé en marsala et noir.
Quoi de mieux que ces collants marsala que je viens d'acheter pour accompagner mes cuissardes sans talons? Oui, ce sont des cuissardes que je plie beaucoup dépendant des looks que je veux créer.
Pour les bijoux, des touches dorées comme la petite ceinture que j'ai ajouté à ce "tableau noir".
Probablement vous direz... il y a beaucoup de photos et je le sais mais je suis incapable de choisir/trier le travail de mon mari. Il n'est pas photographe mais je suis tellement admirative devant son travail qu'il faut que je vous montre tout ça.
Vous aussi vous apprécié ces balades au milieu de la nature?


Uma das coisas que mais aprecio durante o outono, são os passeios de fim de tarde no meio das maravilhosas montanhas.
Para este passeio decidi usar a minha capa, a minha melhor amiga nos últimos tempos e uma capeline, que hesitei algum tempo em usar devido ao meu novo corte de cabelo. Sim sim ando a habituar-me aos poucos e a adaptar velhos hábitos a esta minha nova imagem. Sim, gosto disto e fazem-me bem estas mudanças.
Para me sentir à vontade decidi vestir um playsuit que comprei no verão passado e como é de manga curta pus por baixo uma camisola de manga comprida com riscas marsala e preto.
E que de melhor para uma tarde de outono que usar estes collants marsala que comprei recentemente com as minhas cuissardes sem salto? Sim, são cuissardes que eu arrepanho conforme o look que pretendo criar.
Para os acessórios, toques de dourado como no cinto fino que adicionei a este "quadro preto".
Provavelmente alguns dirão que são muitas fotografias e eu sei disso. Mas sinto-me tão fascinada pelo trabalho do meu marido, não é fotógrafo de profissão, que tenho mesmo vontade de vos mostrar tudinho.
E vocês também são apreciadores destes passeios no meio da natureza?

 






 
 
 
 
 


 


 









 
Cape/ Capa: H&M
Playsuit: ASOS
Pull/ Camisola: Forever21
Collants: ASOS
Bottes/ Botas: H&M
Capeline: Primark
Ceinure/ Cinto: C&A
Montre/ Relógio: ONE Watches

Golden Fall


L'automne est déjà bien présent chez moi. À vrai dire il y a même des villes où on sent déjà l'hiver.
Mais je profite un maximum de cette saison. J'adore l'automne, c'est ma saison préférée.
Pendant cette époque de l'année, j'aime bien regarder la montagne qui entour ma maison, la voir peinte en plusieurs tonalités. Vert, brun, jaune, rouge... je reste tellement émerveillée qu'il arrive que je sois émue par la beauté de la nature. Cette saison m'apaise, je me sens sereine. Je me sens vraiment heureuse en automne. Parfois je ressemble vraiment à une petite fille qui se ballade entre les feuilles qui peignent les rues.
Petit à petit je dis au revoir aux chemisiers fins, je ne sors plus sans une petite veste légère. Le froid qui demande les écharpes et les vestes plus chaudes arrive doucement. Mais tant qu'il se fait pas présent on profite des couleurs claires, des chaussures un peu plus ouvertes et des blazers que j'aime tant.

***

O outono está tão presente por estas bandas. Verdade seja dita, que em determinadas vilas já chegou o verdadeiro inverno.
Mas faço questão de viver plenamente esta estação do ano. Adoro o outono, a minha época favorita. Gosto de nesta altura do ano olhar para a montanha que abraça a minha casa e vê-la vestida de vários tons. Verde, castanho, amarelo, vermelho... fico tão fascinada que me chego a emocionar com a beleza da natureza. Este tempo traz-me paz, serenidade. Sinto-me feliz no outono. Por vezes pareço uma verdadeira miúda a arrastar os pés no meio das folhas que pintam o chão.
Ando a dizer adeus às blusas finas, já não saio de casa sem um casaco mesmo que fino. Está a chegar aos poucos o frio que pede cachecóis e casacos fofinhos. Mas até lá vamos aproveitando as cores claras, os sapatos mais abertos e os blazers que eu tanto gosto.


 
 
 



 


 
 
 


 
 

 

 
 
Chemisier/ Camisa: C&A
Blazer: H&M Rayon masculin/Secção Homem
Pantalon/Calças: Primark
Chaussures/ Sapatos: +S Accessoires (Yendi)
Montre/ Relógio: ONE
Sac/Mala: H&M
Boucles d'oreille/ Brincos: Primark
Bague/Anel: H&M
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...